Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

my so-called life



Quinta-feira, 05.02.09

Amor desastroso

O post de hoje é um pouco mais pessoal. É sobre a minha desastrosa vida amorosa.

 

Começou aos 15 anos com o TZ, foi o único a quem disse amo-te e com quem sei aliança, hoje sei que o amo-te não era assim tão sentido. Terminou porque ele tinha ciúmes dos meus amigos/as e já falava em casamento e eu sentia-me sufocada e não queria nada daquilo com aquela idade.

Depois do desgosto superado veio o A, foi com ele que perdi a virgindade (foi a única vez que tivemos juntos mais intimamente). Ele achava que eu era uma menina mimada só porque de vez em quando lhe pedia uns carinhos. Acabei por traí-lo com o T.

A traição foi tão boa que comecei a namorar com o T na festa de aniversário de uma amiga em comum, até que chegámos à conclusão que estávamos melhor como amigos.

Tempos depois namorei com o H, o que tinha maior diferença de idade de mim até agora. Foi um terminar de relação diferente de todos, ele foi viver para Cabo Verde.

O Y e eu já éramos amigos desde putos mas de repente começámos a olhar-nos de maneira diferente e começámos  a namorar. A ex-namorada dele infernizava-me a vida mas com o apoio dele aguentei. Um dia ele ficou de me ir buscar das aulas e não apareceu. Mais tarde vim a saber que tinha estado rapariga e por isso não apareceu (não, não era a ex). Acabou logo ali.

Este não foi namorado mas foi o mais querido e carinhoso de todos os rapazes com quem já tive algum tipo de relacionamento. Desde que nos conhecemos que entre mim e o F houve logo uma química muito forte, muito intensa. ´Víamos-nos de vez em quando só para sexo mas também tínhamos momentos muito bons passados juntos. Ele cantava para mim. oferecia-me peluches, dormíamos abraçados, era verdadeiramente um fofo. Na altura não estávamos dispostos a algo mais sério e mantivemos uma boa amizade. A química, essa continua lá toda mas bem mais calma.

E o mais recente e duradouro o M. Começámos só por curtir mas eu acabei por gostar mais dele do que devia. A relação na cama era fantástica mas fora dela não era assim tão fabulosa. O M começou a ficar distante e só estávamos juntos quando lhe apetecia. Decidi então a acabar com aquela palhaçada em que me sentia usada. Meses mais tarde o M lembrou-se de mim e queria estar comigo outra vez e eu dei-lhe um NÃO decidido.

 

 

Agora quero alguém que me ame de verdade mas que saiba respeitar o meu espaço, que não tenha medo de me tornar uma mimada, e que não seja um menino.

 

Agora o que me chateia mesmo de verdade é que também não tenho sorte ao jogo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por StAr às 18:23


4 comentários

De Um Mel Doce a 06.02.2009 às 01:03

Obrigado pelo add!lindo blog!bjito!

De Marta a 06.02.2009 às 22:47

Se o ditado se consumasse ... eramos tantos milionarios que até chateava.

beijinhos

De agorasoufeliz a 10.02.2009 às 14:53

Só posso dizer que já trai, foi julgada em praça pública por isso, o meu namorado ficou como mártir e tempos depois fiquei a saber que durante os meus 6 anos de namoro ele enganou-me em inúmeros aspectos, por isso, se estás infeliz procura outro parceiro, o que importa és tu, faz como eu, apesar de ter chorado, ter partido pratos, copos, por causa do meu ex, hoje encontrei uma pessoa especial, e esta pessoa dá-me mimos apesar de estar longe. Existem homens que gostam de mimar as mulheres, por isso não fiques triste pois vais encontrar alguém assim... uma pessoa que te mime e muito. Muitas felicidades

De Um Mel Doce a 13.02.2009 às 14:00

Tenho um desafio pra ti, creio que vais gostar hihi :) passa no meu cantinho pra veres o que te reserva!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2009

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728